NotíciasPolítica

Prisão de Lula é decretada

Decreto foi feito pelo juiz Sérgio Moro

O juiz Sérgio Moro decretou nesta quinta-feira, 5 de abril a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A ordem de prisão foi decretada por Moro após um ofício enviado pelo TRF-4 para a Justiça Federal de Curitiba, autorizando a execução da pena de 12 anos e 1 mês de prisão, imposta a Lula no caso envolvendo o tríplex do Guarujá (SP).

Em despacho divulgado nesta quinta-feira, Moro deu prazo até esta sexta-feira, 6, ao ex-presidente Lula para se apresentar “voluntariamente” à Polícia Federal em Curitiba, base da Operação Lava Jato. Moro estipulou a Lula que se apresente até às 17 horas. 

“Relativamente ao condenado e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, concedo-lhe, em atenção à dignidade cargo que ocupou, a oportunidade de apresentar-se voluntariamente à Polícia Federal em Curitiba até as 17:00 do dia 06/04/2018, quando deverá ser cumprido o mandado de prisão”, escreveu Moro em seu despacho, reproduzido pelo jornal O Estado de S. Paulo.

Só lembrando que Lula foi condenado por lavagem de dinheiro e corrupção passiva no caso do tríplex, imóvel este que teria sido reservado e reformado para o petista como propina de R$ 2,2 milhões pela empreiteira OAS. Em troca, ele teria favorecido a empresa em contratos com a Petrobras.

Lula sempre negou os crimes e se disse inocente no caso. Contudo, diante da condenação em segunda instância, o petista fica inelegível pela Lei da Ficha Limpa – algo que ainda pode ser contestado na Justiça Eleitoral.

Preço as soja sobe para 85%

Na quinta-feira também foi registrado o aumento do preço da soja. Em Paranaguá, Paraná o valor chegou a R$ 85,00 por saca. O avanço foi de 2,41%. Em Rio Grande, soja disponível em R$ 79,30 e maio/18 em R$ 80,20 por saca, com altas de 2,99% e 3,48%. 

 

Tags

Artigos relacionados